Imprimir

 

A Secretaria Municipal da Educação (SME) publica, nesta terça-feira (17/05), o edital da XI Feira Municipal de Ciências e Cultura de Fortaleza, que selecionará projetos científicos desenvolvidos por estudantes da Rede Municipal de Ensino, com a orientação dos professores, nas diversas áreas do conhecimento.

As inscrições estarão abertas a partir de 1º de junho e seguem até dia 24 do mesmo mês. Poderão participar do processo seletivo trabalhos desenvolvidos por estudantes, orientados pelos professores, do 3º ao 9º ano do Ensino Fundamental e da modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA). A iniciativa é uma ação pedagógica desenvolvida pela SME, em parceria com a Seara da Ciência, entidade vinculada à Universidade Federal do Ceará (UFC).

Na edição desse ano, os projetos serão distribuídos em três categorias, de acordo com a série/ano dos estudantes participantes dos projetos: Mercúrio (3º e 4º anos), Saturno (5º, 6º e 7º anos) e Júpiter (8º e 9º anos e da modalidade de Educação de Jovens e Adultos).

A XI Feira Municipal de Ciências e Cultura de Fortaleza será realizada em três etapas: Escolar, Distrital e Municipal. A primeira etapa ocorrerá até 10 de junho nas unidades escolares; a segunda acontecerá nos dias 29 e 31 de agosto e 01 de setembro; já a terceira etapa será realizada entre os dias 12 e 16 de setembro. Serão selecionados 150 trabalhos para a Etapa Distrital, destes os 60 melhores avaliados serão classificados para a Etapa Municipal. 

Ao final da Etapa Municipal, quinze trabalhos serão classificados como finalistas e receberão premiação. Os estudantes participantes das equipes finalistas das categorias Saturno (5º, 6º e 7º anos) e Júpiter (8º e 9º anos e da modalidade de Educação de Jovens e Adultos) serão contemplados com bolsas de monitoria do Programa Bolsa Nota Dez, com vigência durante o ano letivo de 2023, conforme a Lei nº 11.158/2021, de 09 de setembro de 2021 e Portaria nº 0085/2022. 

Feira

A Feira Municipal de Ciências e Cultura de Fortaleza busca incentivar o desenvolvimento de trabalhos científicos no âmbito das escolas públicas da Rede Municipal, bem como o fortalecimento do letramento científico e o protagonismo estudantil, através do estímulo à curiosidade e ao desenvolvimento da capacidade investigativa, reflexiva e crítica. Essa ação pedagógica permite, ainda, divulgar e socializar os resultados obtidos destas pesquisas entre os estudantes e os professores das escolas públicas municipais e para o público em geral.

>>> Confira o Edital