Extranet

Para ter acesso a Intranet insira seu usuário e senha do e-mail institucional.

USUÁRIO:

Sair

 

Projeto Integração 2016 encerra atividades com certificação de alunos e apresentação de trabalhos

 

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria da Educação de Fortaleza (SME) e da Coordenadoria de Juventude, promoveu, na manhã desta quarta-feira (30/11), no Cuca Mondubim, a certificação de 365 estudantes da rede municipal de ensino beneficiados ao longo do ano de 2016 pelo Projeto Integração. Os certificados foram entregues aos alunos pela secretária adjunta da Educação, Lindalva Pereira; e pelo diretor de Educação, Esporte e Cultura da Rede Cuca, Luís Fernando.

Durante o evento, alunos dos três Cucas, que frequentaram as oficinas de música, fizeram apresentações musicais. Estudantes executaram desde composições locais, como Asa Branca de Luiz Gonzaga, até obras conhecidas mundialmente como Day Tripper, da banda inglesa The Beatles. Os grupos que se apresentaram eram formados por alunos que desenvolveram aptidões instrumentais no Projeto Integração.

Esteve presente na a abertura do evento, o presidente do Instituto Cuca, Ismênio Bezerra. Na oportunidade, ele descreveu os Cucas como grandes salas de aula, onde todos têm algo a ensinar. “Acredito que, aqui, cada um de vocês plantou uma semente muito sólida, seja no fortalecimento dos Direitos Humanos, Esportes, Cidadania, Artes e outras áreas que vocês, alunos, passaram. Vocês não foram alunos. Foram todos professores. Continuamos de braços abertos para recebê-los, o Cuca é de vocês, a sua segunda casa na cidade de Fortaleza. Por toda essa experiência, agradeço muito ao prefeito Roberto Claudio pela ideia dessa parceria com a Secretaria da Educação”, destacou.

A secretária adjunta da Educação de Fortaleza, Lindalva Pereira, destaca que o Projeto Integração é o que pode haver de mais moderno em uma política educacional e ressalta a importância dessa integração com a Rede Cuca. “Em nome da Secretaria da Educação, agradeço aos profissionais que se empenham na realização deste projeto, realizado em equipamentos de transformação social e que abre portas para a troca dos mais diversos conhecimentos. Parabéns a todos os alunos e suas famílias, deem continuidade aos seus estudos e queiram fazer a diferença”, disse.

O aluno da rede municipal, Wabna Esmerino, que frequentou o Cuca Jangurussu durante o Integração, disse que foi uma surpresa para ele todo o aporte estrutural e humano encontrado nos equipamentos à disposição dos alunos da rede municipal. “O Integração é um projeto super legal que auxilia a todos nós em muitas áreas. Agradeço muito à Prefeitura, aos funcionários e a todos os meus colegas. Com todo esse suporte e cuidado, muitos talentos apareceram e torço para que cresçam a partir daqui e continuem a usar esse espaço que é nosso”, comentou o aluno, 

Projeto Integração 2016

Em 2016, o projeto foi ampliado e atendeu 12 escolas localizadas no entorno dos três equipamentos da Rede Cuca, nos bairros Jangurussu, Mondubim e Barra do Ceará. No contra turno escolar, jovens do 9º ano são engajados em atividades culturais e esportivas cumprindo horário integral de formação. Esses alunos recebem reforço de Matemática e Português, e participam de atividades esportivas e de formação (Jiu-Jitsu, Natação, Vôlei, Futsal, MMA, Fotografia, Música, Dança, Informática e Audiovisual).