Extranet

 

Estudantes da Rede apresentam trabalhos na etapa regional do Ceará Científico

 
 
Alunos da Rede Municipal finalistas da IX Feira Municipal de Ciências e Cultura de Fortaleza participam, nesta sexta-feira (29/11), da etapa regional do Ceará Científico. O evento, realizado no Centro de Negócios do Sebrae, propõe a socialização de projetos científicos e artístico-culturais trabalhados no cotidiano escolar. 
 
Ao todo, doze equipes da Rede foram selecionadas para a fase regional da competição. Para Pedro Santiago, da Escola de Tempo Integral Francisco de Sousa Filho (Distrito 3), cada etapa é uma vitória que proporciona o intercâmbio de experiências entre os estudantes. “Mostramos nossas pesquisas e abrimos novos horizontes para o mundo científico. É muito legal a troca que temos com todos no decorrer disso”, ressaltou o aluno, ao apresentar sua pesquisa realizada em conjunto com a estudante Tainá Martins. 
 
 
12 equipes da Rede foram selecionadas para a fase regional da competição
 
As equipes classificadas nesta etapa irão para a fase estadual. Os projetos escolares premiados receberão financiamento para representar o estado nos principais eventos nacionais e internacionais. Entusiasmadas com a oportunidade, Letícia Silva e Maria Clara Clara Pereira, da Escola Municipal Angélica Gurgel (Distrito 6), não medem esforços para que seu trabalho alcance a aprovação dos avaliadores. “Saímos da nossa zona de conforto, estudamos muito e estamos aqui representando toda a escola. Temos nossa voz ouvida e esperamos transmití-la mais e mais”, disse Letícia. 

“Nossos alunos desenvolvem a curiosidade científica e o protagonismo estudantil. Além disso, esses eventos são importantes para divulgar as atividades que os educadores realizam durante todo o ano letivo, mostrando que o professor da Educação Básica também produz ciência”, frisa Wesley Rocha, gerente da Célula de Desenvolvimento Curricular da SME, ao destacar o incentivo da secretaria na produção de conteúdos que envolvam a criatividade, inovação e letramento científico no decorrer do processo pedagógico.

 
 Projetos de pesquisa classificados na etapa irão para a fase estadual

Promovido pela Secretaria da Educação do Estado (Seduc), o Ceará Científico faz parte de uma política educacional de popularização das ciências, cultura e da tecnologia do Governo do Estado do Ceará. A ação busca ampliar a educação científica, intensificando os questionamentos que surgem das experiências, expectativas, estudos teóricos e manifestações artístico-culturais dos estudantes.