Extranet

 

Secretários escolares da Rede Municipal recebem capacitação em mediação social

 

 

A Secretaria Municipal da Educação (SME) realizou, nesta terça-feira (21/05), por meio da Coordenadoria de Articulação da Comunidade e Gestão Escolar (Cogest), formação sobre a importância da inteligência emocional no contexto da rotina escolar, no auditório Deputado Murilo Aguiar, na Assembleia Legislativa do Ceará. Direcionada aos profissionais que atuam na gestão escolar da Rede Municipal, a atividade contou com a presença da coordenadora da Cogest, Lucidalva Bacelar, do gerente da Célula de Fortalecimento da Autonomia Escolar, Kerginaldo Freitas, e do técnico da Célula de Mediação Social e Cultura de Paz, George Marinho.

O encontro proporcionou aos gestores escolares ferramentas para um bom desenvolvimento das competências emocionais necessárias para suas funções. No primeiro momento, a formação abordou o tema "Fundamento do trabalho: papel e atribuições dos secretários escolares frente aos organismos colegiados". No segundo período, o encontro proporcionou aos participantes as habilidades fundamentais para o aprimoramento da inteligência emocional, a fim de melhorar a qualidade de vida dos educadores.

Para Kerginaldo Freitas é imprescindível abordar essa temática de engradecimento do autoconhecimento, comunicação  e planejamento estratégico."O encontro propicia o acesso aprofundado aos conhecimentos referentes à rotina da secretaria escolar, fortalecendo o papel e as competências técnicas, pedagógicas do profissional no âmbito da gestão educacional", enfatiza.

A secretária escolar da Escola Municipal Dom Manoel da Silva Gomes (Distrito 4), Ângela Ribeiro, destacou a importância da formação, bem como os valores agregados ao dia a dia da profissional. "Essa competência é muito válida, principalmente na nossa função, pois precisamos nos capacitar e atualizar. Somos uma peça-chave dentro do ambiente escolar e precisamos dessa renovação no nosso currículo, porque atendemos não só aos alunos, mas também a comunidade no entorno das unidades", explica.

Já o secretário escolar da Escola Municipal Professor Osmirio de Oliveira Barreto (Distrito 4), David Nogueira, pontuou a necessidade da formação para amenizar os estresses ocasionados devido à rotina exaustiva de sua função. "Dentro da escola existe uma movimentação de pessoas, de alunos e isso acaba gerando desgaste mental por causa do trabalho que nos é atribuído. Então, essa formação faz com que a gente reconheça os nossos feitos para, a partir disso, conseguir tomar decisões dentro da escola. Acredito que é uma formação que nos torna mais prudentes, conscientes, responsáveis e capacitados para continuar nosso trabalho de forma ética, inteligente e utilizando aspectos de liderança", finalizou.