Extranet

 

Assistentes da Educação Infantil participam de palestra sobre os cuidados na primeiríssima infância

 

Os cuidados na primeiríssima infância na perspectiva da abordagem de Pikler foi o tema da palestra às assistentes da Educação Infantil da Rede Municipal, na manhã desta quarta-feira (24/10), ministrada pela Drª Cristina Façanha. O encontro, promovido pela Secretaria Municipal da Educação (SME), por meio da Coordenadoria de Educação Infantil, contou com a parceria com da Universidade Federal do Ceará e ocorreu no Auditório Valnir Chagas, na Faculdade de Educação. 

No evento, Cristina Façanha destacou a abordagem Pikler como uma significativa ferramenta de trabalho para os assistentes. “Trazer essa abordagem na Educação Infantil permite aos nossos profissionais da educação exercitar um olhar mais atento, pois é considerada uma pedagogia dos detalhes e foi elaborada pela observação e registro minucioso das ações e reações dos bebês. Isso permitiu uma série de pesquisas e descobertas sobre o desenvolvimento infantil”, defende, a partir do seu relato de experiência teórico-metodológico sobre a abordagem Pikler, idealizada pela médica húngara, Emmi Pikler.

A coordenadora da Educação Infantil, Elizângela Amaral, destaca a importância do evento para as assistentes. “As nossas assistentes precisam constantemente de formações, pois sua função é importante para o trabalho das professoras. É necessário promover esses encontros para gerar uma reflexão sobre o cotidiano das creches, de modo que elas possam desenvolver um atendimento às crianças tendo como eixos norteadores da prática pedagógica o brincar, o interagir, o educar e o cuidar”, explica.

No olhar da assistente Cleomilce Rocha, do Centro de Educação Infantil Pedro Boca Rica, a formação foi um momento rico de aprendizagem. "Essa palestra está sendo muito produtiva no geral. Me fez perceber que devemos focar mais no cuidado com a criança, procurando plantar dentro do coração de cada uma delas mais segurança afetiva, seja na hora do banho ou em outro momento do dia a dia. Isso é muito pertinente para a nossa função, que é ensinar e educar. Estou muito feliz em poder aprender novos métodos para melhorar a forma como eu trabalho”, avalia.