Extranet

Para ter acesso a Intranet insira seu usuário e senha do e-mail institucional.

USUÁRIO:

Sair

 

Prefeito Roberto Cláudio dá início ao ano letivo 2018 nas escolas municipais

 

prefeito roberto cláudio

O prefeito Roberto Cláudio deu início ao ano letivo de 2018 da Rede Municipal de Ensino nesta segunda-feira (29/01), na Escola Municipal Lirêda Facó, no bairro Bom Jardim (Regional V). No local, o Gestor compartilhou dados da ampliação no número de matrículas, além de compartilhar ações de melhorias para infraestrutura de escolas. “Estamos iniciando o ano letivo e a boa notícia é que são mais de 32 mil novas matrículas. Só na educação infantil, são mais de 15 mil alunos na rede municipal, produto de uma expansão planejada, mas também de uma credibilidade que nossa rede pública passou a ter graças à bons trabalhos realizados”, afirmou.

Roberto Cláudio aproveitou, ainda, para compartilhar os motivos para a Cidade ter alcançado essas conquistas. “Nós melhoramos praticamente em todos os indicadores, tanto da Educação Infantil quanto Fundamental. Temos uma trajetória educacional que dá segurança que nossa rede tenha aula, alimentação, professor, fardamento, materiais, tudo isso somado e em paralelo a um conjunto de reforma que temos dado às escolas que estavam mais precárias e que possibilitou que a procura tenha aumentado ano a ano”, completou.

Escolhida para realização do evento de abertura do ano letivo de 2018, a Escola Lirêda Facó foi a primeira unidade escolar do pacote de reformas, que foi lançado no ano passado pela Prefeitura, a ter os serviços de melhorias concluídos. Neste centro educacional, foram reconstruídos espaços como sala dos professores, cozinha, banheiros e estacionamento, além da renovação da fachada, revitalização da quadra, pintura geral, retelhamento e novo madeiramento.

Dalila Saldanha, secretária da Educação, lembrou que, embora o ano tenha se iniciado com grandes conquistas, os desafios continuam para aprimorar a educação municipal. “Na alfabetização, já conseguimos que quase 100% dos alunos se alfabetizem na idade certa. Atender a 100% é ainda um desafio que pretendemos atingir até 2020, entre as crianças até os 7 anos. Outra meta é elevar os indicadores do 5º ao 9º ano, trazendo melhorias no ensino e reduzir o abandono escolar”, enfatizou.

Kauan Silva, aluno do 7º ano e presidente do grêmio da escola beneficiada, atentou que os esforços da Prefeitura fazem todo o diferencial para o desenvolvimento dos alunos. “É muito importante termos bons professores, espaços ambientados para poder estudar, boas salas, pessoas capacitadas. Tudo agrega à nossa educação. Ter um ensino de qualidade é um grande passo para nossa comunidade do Bom Jardim. Muita gente tinha saído da escola, mas está voltando porquê sabe que a educação que está sendo dada aqui é de valor”, declarou.

Já Maria Edinir Ferreira, mãe de aluna que cursa o sexto ano, disse estar entusiasmada com o primeiro dia de aula da filha. “A expectativa é que ela possa receber o melhor ensino. Aqui temos professores concursados, a reforma que foi feita traz melhores condições para o aluno aprender, com espaços adequados, bons professores. Acredito que ela vai aprender muito”.

Segundo o Censo Escolar da Educação Básica 2017, Fortaleza foi a quarta maior rede pública em matrículas de todo o País, registrando aumento em todas as faixas de ensino. O resultado vai na contramão do Brasil, que reduziu o número de matrículas no Ensino Fundamental nas escolas públicas.

A capital também foi a terceira capital do País e a primeira do Nordeste em matrículas de tempo integral, além de ter sido destaque em inclusão, sendo a terceira maior rede do País em Educação Especial.

Ao todo, estão sendo investido em requalificação de escolas R$ 40 milhões, contemplando 200 escolas do município, a serem aplicados entre 2017-2020. Desses centros de ensino, 23 unidades já tiveram trabalhos iniciados.

No local, o Prefeito anunciou, ainda, início das obras do refeitório da Escola Lirêda Facó para este mês, trazendo mais esse benefício aos estudantes do centro de ensino da Regional V.

(Com informações do Portal da Prefeitura de Fortaleza)