Extranet

Para ter acesso a Intranet insira seu usuário e senha do e-mail institucional.

USUÁRIO:

Sair

 

Prefeito Roberto Cláudio empossa 288 diretores da rede municipal de ensino

 

Posse


O prefeito Roberto Cláudio e a secretária da Educação, Dalila Saldanha, empossaram novos diretores da rede municipal de ensino de Fortaleza no Auditório João Frederico Ferreira Gomes, prédio anexo à Assembleia Legislativa do Ceará. Ao todo, 288 profissionais tomaram posse do cargo para o exercício 2017-2020.

Confira mais imagens na galeria de fotos no Facebook da SME.

Foram empossados diretores escolhidos por meio de seleções públicas realizadas em 2013 e 2017. Os gestores selecionados em 2013 e que estão sendo reconduzidos ao cargo receberam um termo de reconhecimento pelos serviços prestados desde o início da gestão, com referência em três critérios: aprendizagem dos alunos, liderança e gestão eficaz dos recursos financeiros. Na ocasião, também tomaram posse os diretores que foram selecionados em 2017 para atuação na função.

“Para que a educação de Fortaleza continue avançando, acredito que é preciso dar mérito aos profissionais. Os novos 288 diretores são vencedores por estarem neste cargo, mas vamos cobrar para que eles se dediquem e tenham muita competência e sensibilidade para essa função tão nobre. Os profissionais passaram por um processo de seleção criterioso, e vamos dar a eles instrumentos para que exerçam suas funções com qualidade. E esse é o meu compromisso para que a qualidade do ensino da Cidade continue melhorando”, destacou Roberto Cláudio.

Entre as competências dos diretores escolares, estão o cumprimento das disposições legais e das diretrizes da política educacional da Secretaria Municipal da Educação; o acompanhamento e implementação dos programas e projetos vinculados a diferentes esferas governamentais e a garantia do acesso e a permanência do aluno nas escolas.

O processo de avaliação foi feito com os gestores que já estavam na rede e também por seleção para compor um novo banco. “Cerca de 80% dos diretores estão sendo reconduzidos. Eles passaram por um processo bastante criterioso de avaliação envolvendo três critérios: crescimento no aprendizado dos alunos, o clima escolar e o processo de aplicação dos recursos financeiros. Já os outros 20% de profissionais que estão tomando posse hoje são novos. Eles participaram de uma seleção com prova, títulos e entrevista”, explicou Dalila.

Escolha por mérito
Desde o início da gestão do prefeito Roberto Cláudio, em 2013, todos os diretores, superintendentes, coordenadores escolares e de distrito são escolhidos de forma meritocrática, por meio de seleções públicas, que avaliam a capacidade técnica, as experiências profissionais e aspectos como liderança, visão sistêmica e conhecimento das políticas educacionais de cada profissional. Em 2017, os secretários escolares também foram selecionados por meio de seleção pública.

A capital cearense saltou de 20 escolas em nível desejável, em 2012, para 195 em 2016, segundo os dados do Sistema de Avaliação Permanente da Educação Básica do Estado do Ceará (Spaece). Isso significa que Fortaleza tem 96% das escolas municipais no nível desejável de aprendizagem, ensinando os alunos a ler e a escrever na idade certa. “Vamos continuar o trabalho para que esse índice seja de 100%”, afirmou o Prefeito.